Publicidade

Chuvas deixam 6 cidades de SC em nível de alerta para risco de deslizamentos de terra

SANTA CATARINA há 4 meses

Subiu de dois para seis o número de cidades em Santa Catarina em nível de alerta para risco de deslizamentos de terra por conta das chuvas registradas nos últimos dias, informou a Defesa Civil nesta sexta-feira (7).

Os estragos provocados pela chuva levaram as prefeituras de Garuva e Guaramirim, no Norte catarinense, e Ilhota, no Vale do Itajaí, a decretarem situação de emergência.

O boletim anterior da Defesa Civil, divulgado na tarde de quinta (6), incluía apenas Garuva e Ilhota em nível de alerta para deslizamentos. No novo comunicado, o nível de alerta se mantém para as duas cidades e se estende também a São Francisco do Sul, Itajaí, Balneário Camboriú e Canelinha.

As seis cidades foram as que registraram os maiores volumes de chuva nos últimos três dias. Em Garuva, onde mais choveu, foram 453 milímetros em 72 horas. O índice é quase três vezes mais que os 161 milímetros esperados para o todo o mês de fevereiro. Já Ilhota, que aparece na sequência, registrou 208 milímetros no período.

Outras seis cidades estão em nível de atenção. O nível é considerado para as cidades de Araquari, Camboriú, Luiz Alves, Penha, Brusque e Guaramirim. Nesta última, 10 residências precisaram ser evacuadas por conta do risco de deslizamento de terra, segundo a Defesa Civil. No total, 16 cidades são monitoradas pelo órgão por conta de risco de deslizamento.

De acordo com o diretor de gestão de desastres da Defesa Civil de SC, o tenente-coronel Aldrin de Souza, as áreas de risco para deslizamento nessas cidades estão sendo monitoradas presencialmente pelas coordenadorias regionais do órgão.

Sinais como rachaduras nas residências ou em morros e solo encharcado e com água barrenta são alguns dos indicativos que apontam risco. Conforme Aldrin, a orientação é que os moradores fiquem atentos a esses sinais e comuniquem a Defesa Civil local ou Corpo de Bombeiros caso os observem.

As enxurradas nesta quinta afetaram principalmente cidades do Norte, Litoral Norte e Vale do Itajaí. Houve deslizamentos, ruas ficaram alagadas e moradores e carros ficaram ilhados. Ninguém se feriu. Ao menos 10 cidades do Estado registraram algum tipo de ocorrência por conta de temporais entre terça (4) e quinta, e 15 registraram volumes consideráveis de chuva.

Por Guilherme Simon nsctotal


Publicidade

Receba nossa Newsletter
Informe seu e-mail para receber as nossas novidades em primeira mão.
2003-2020 Revista Leia Mais
Hospedagem GETCON | Site By wAdvice