Após quatro meses, SC zera fila de pacientes por leito de UTI

SANTA CATARINA há 15 dias

Santa Catarina zerou a fila por leito de UTI de pacientes contaminados com Coronavírus nesta sexta-feira (9). A espera formou-se no final de fevereiro, com a chamada segunda onda da Covid-19 e, desde então, o Estado contabilizava solicitações de transferência para vagas em terapia intensiva. Este foi o primeiro boletim neste período com zero solicitações. 

A fila caiu gradativamente nos últimos dias. No boletim desta quinta (8), eram apenas duas solicitações: uma para um paciente na região Norte e Nordeste e outro na região do Vale do Itajaí.

A fila permaneceu mesmo após a queda de ocupação de leitos de UTI já que a transferência não é autorizada quando o paciente corre risco de piora no quadro clínico com o transporte entre unidades hospitalares. 

Nesta sexta, a ocupação de leitos adultos de UTI SUS em Santa Catarina é de 86,7%. São 1.297 leitos adultos ativos, sendo 677 ocupados por confirmados e suspeitos de Covid e 448 por outras enfermidades. Há 172 leitos livres. 

A região com maior ocupação é o Norte/Nordeste (93,9%), seguido de Sul (92,9%), Vale do Itajaí (91,1%), Grande Florianópolis (89,5%), Meio-Oeste e Serra (83,2%), e Grande Oeste (70%). Não foram disponibilizados dados sobre a Foz do Rio Itajaí.

Por 


Receba nossa Newsletter
Informe seu e-mail para receber as nossas novidades em primeira mão.
2003-2021 Revista Leia Mais
Hospedagem GETCON | Site By wAdvice